Gameterapia

A CODE4All, seguindo sua missão de alcançar uma sociedade melhor por meio dos games, patrocina estudos na área de Gameterapia e traz uma nova alternativa de tratamento de crianças especiais por meio dos games:


Sessão de Gameterapia com crianças especiais por George Telles – CREF: 019585-G/RJ

Interessados em conhecer o tratamento gratuitamente entrar em contato por meio do número 21 96437-7583 (celular e whatsapp) ou enviar um e-mail para contato@code4all.com.br.

 

 

Intervenção Física / Cognitiva via Games

Universo dos Games e a própria Gamificação, quando unidos à Educação Física, proliferam novas áreas de conhecimento capazes de impactar sobremaneira a vida de muitas crianças especiais: a Gameterapia (Terapia dos Jogos) e os Exergames. Por meio de Games apropriados e acompanhamento profissional, estas crianças alcançam comprovado desenvolvimento físico, cognitivo e social.
O Ser humano é multimodal, desta forma para sua evolução e maturação, precisamos de estímulos capazes de desenvolver cada vertente de nosso corpo. A Educação Física tem o poder de proporcionar isto, através de estímulos motores e cognitivos.
A atividade física provoca uma sensação de prazer, com a liberação de um hormônio chamado endorfina, essa mesma sensação de prazer aliada aos games, potencializa sua reabilitação motora e cognitiva.
Os games permitem prescrever movimentos e exercícios de maneira lúdica, e utilizamos o sistema de recompensa cerebral para melhorar a performance e prazer da PcD durante o processo de reabilitação. Existem diversas evidências científicas que comprovam o benefício da utilização dos games na reabilitação neurofuncional.
Dentro dos objetivos que a reabilitação através da Educação Física aliada aos Games busca alcançar, podemos destacar:

  • Pessoas com TEA e Síndrome de Asperger, e pessoas com Deficiência Intelectual, Síndromes (Down, Prader Willi, etc.), SOE:
    1. Aprimorar e/ou criar atenção compartilhada;
    2. Realizar Meta-representação (jogo de faz de conta);
    3. Minimizar Esteriotipias;
    4. Redução de interesses repetitivos;
    5. Despertar e/ou aprimorar suas funções executivas;
    6. Despertar e/ou aprimorar a comunicação visual e/ou oral;
    7. Despertar e/ou aprimorar sua interação social;
    8. Flexibilizar suas rotinas;
    9. Ganho de Autonomia;
    10. Criar e/ou aprimorar Noções de regras, limites e comandos;
    11. Desenvolver Valências Motoras (agilidade, lateralidade, ritmo, força, resistência);
    12. Ganho ou aprimoramento de coordenação motora e equilíbrio;
    13. Ganho de Tônus Muscular, nas situações de Hipotonia;
    14. Melhora da função Cardiorrespiratória;
    15. Redução do risco de doenças secundárias provenientes da deficiência.

George Telles – educador físico especialista em Gameterapia.

CREF: 019585-G/RJ

Profissional de Educação Física formado há 13 anos. Pós Graduado em Educação Especial. Possui diversos cursos na área, com destaque para 02 cursos em Educação Física Adaptada com chancela Internacional (Estados Unidos e Alemanha), um curso de Traumatismo Raquimedular, curso de Terapia de Jogos (Gameterapia) e o curso de Aprimoramento em Autismo. Foi técnico da Seleção Carioca de Basquete da CEF por 07 anos. Há 06 anos trabalha na Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, tendo sido Coordenador do Núcleo de Esportes por 02 anos. Já ministrou cursos de Educação Física Adaptada. Realiza atendimentos de Reabilitação através da Atividade Física para Pessoas com Deficiência.

Facebook: https://www.facebook.com/getellesefa/

Vídeos de casos.

Tratamentos efetuados por George Telles com crianças especiais:

Na mídia

Games contribuindo para a melhoria da qualidade de vida? Conheça a Gameterapia!
Gameterapia: instituição usa tablets e jogos no tratamento de deficientes